Quarta, 22 de Setembro de 2021 14:31
(11) 5090-2240
14°

Chuvisco

São Paulo - SP

Dólar com.

R$ 5,28

Euro

R$ 6,2

Peso Arg.

R$ 0,05

Destaque Foco na educação

Semana Nacional do Trânsito em setembro promove segurança em vias públicas

Tema deste ano da campanha será “No trânsito, sua responsabilidade salva vidas”

09/09/2021 08h56
Por: Redação Fonte: Jornal AVM
Divulgação Contran / Denatran
Divulgação Contran / Denatran

Desde janeiro, o Contran / Denatran promovem ações de conscientização e educação no trânsito brasileiro para diminuir acidentes. E maio, mês específico com ações em todo Brasil, as instituições promoveram campanhas, eventos online e discussões para encontrar soluções rápidas para o assunto. Minimizar as tragédias que acontecem em vias públicas foi tema recorrente.

"É fundamental que cada um entenda sua responsabilidade e cumpra sua parte", diz o Contran.

O objetivo destas campanhas educativas é salvar o maior número de vidas no trânsito. O Contran, mais uma vez, está empenhado em colaborar para que as ações possam evitar os acidentes. E, ainda, conscientizar a sociedade.

A Semana Nacional de Trânsito acontece anualmente entre os dias 18 e 25 de setembro, com o objetivo de incentivar junto à sociedade um trânsito mais seguro. 

Instituída pelo CTB (Código de Trânsito Brasileiro) em 1997, a Semana Nacional de Trânsito promove por meio da conscientização de motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres, um trânsito mais seguro. Deve ser o momento em que todos os integrantes do Sistema Nacional de Trânsito promovam ações de educação e conscientização para a segurança de todos em trânsito.

Confira o cronograma de ações para os meses restantes de 2021

Setembro – “Pedestres e ciclistas: Ver e ser visto”. Será destacado que no período noturno há maior risco de acidentes envolvendo os usuários vulneráveis pela dificuldade de visibilidade. As campanhas educativas deste mês vão apontar para a importância de ver e ser visto no trânsito, com enfoque especial nos motociclistas, ciclistas e pedestres, reforçando a necessidade do uso de equipamentos e vestimentas que os tornem mais visíveis. Será trabalhada a empatia, reforçando o papel dos mais fortes em proteger os mais vulneráveis.

Outubro – “Pedestres e ciclistas - 2: O que pode e o que não pode!” e “Uso da cadeirinha”. Será abordada a vulnerabilidade dos pedestres, ciclistas, crianças, bem como pessoas com deficiência e idosos, ressaltando a fragilidade inerente a esses usuários. Em relação aos ciclistas, o objetivo é incentivá-los a escolher rotas mais seguras para a prática do esporte. Serão realizadas campanhas de educação sobre a utilização do celular quando estamos em movimento, quando nos papéis de pedestre e ciclista.

Novembro – “Não deixe marcas que desculpas não apaguem”. Enfoque na manutenção preventiva dos veículos. Trazendo o tema do “Dia Mundial em Memória das Vítimas do Trânsito”, as campanhas levarão a uma reflexão sobre como as lesões e sequelas psicológicas e sociais impactam a vida das vítimas e de seus familiares depois do acidente. Serão reforçadas as dicas e orientações de manutenção preventiva dos veículos nos meses de novembro, dezembro e janeiro, tendo em vista que são meses com maior movimento nas rodovias, por conta dos feriados de fim de ano e das férias escolares.

Dezembro – Para fechar 2021 será a vez de “Festejos em segurança: Os perigos do uso de substâncias psicoativas por condutores”. O destaque especial será para a manutenção preventiva dos veículos. Em decorrência das festas de fim de ano, serão alertados motociclistas e demais condutores sobre os riscos de pilotar ou dirigir após consumo de substâncias psicoativas lícitas e ilícitas. Promoção de ações integradas com a fiscalização, tendo em vista que no fim de ano há maior movimento nas rodovias, por conta dos feriados e das férias escolares. Haverá campanha de educação sobre a utilização do celular quando estamos em movimento, nos papéis de pedestre/ciclista/condutor.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.